.........

CTC utiliza geoprocessamento para melhorar produção de cana-de-açúcar

.........

Objetivo é usar imagens de satélite para melhorar a condução das lavouras

por Globo Rural On-line

 Shutterstock

O Centro de Tecnologia Canavieira (CTC), localizado emPiracicaba (SP), desenvolveu um projeto inovador e criou oCTCSat, um produto para monitoramento de áreas de produção de cana-de-açúcar. O objetivo é o mapeamento e monitoramento das lavouras usando imagens de satélites, para subsidiar a identificação de problemas e de suas causas, e a tomada de decisões para solução desses problemas.
Wander José Pallone Filho, pesquisador do CTC, explica que com essas informações em mãos as unidades produtoras podem planejar e racionalizar a aplicação de agroquímicos, reduzindo custos e impactos ambientais, além de ter um cultivo mais uniforme.
Cliente da Imagem, empresa líder no mercado de Sistemas de Informações Geográficas, o CTC já utilizava geotecnologias para classificação e mapeamento do solo e de ambientes de produção de cana-de-açúcar. Com o CTCSat, a Imagem desenvolveu mais um produto para esse ramo de atividade, a partir das ferramentas de geoprocessamento da Esri, principal companhia de desenvolvimento de softwares de geotecnologia no mundo.
O CTCSat inclui imagens de satélite, mapas, tabelas, processamento e integração dos dados, para a elaboração de mapas das áreas de produção de cana.
Numa primeira etapa, as equipes das unidades produtoras realizam levantamentos de campo para identificar as causas dos problemas mapeados, para então buscar soluções. Em uma segunda etapa, o CTCSat é utilizado para monitorar o resultado das ações adotadas. Nas três ultimas safras, o sistema já atendeu 100 unidades de produção de açúcar e etanol.

Fonte: Globo Rural