.........

Comissão aprova MP do Código

.........

A Comissão Mista do Congresso aprovou, ontem, o texto-base da Medida Provisória 571, que trata das alterações no Novo Código Florestal. O placar foi de 16 votos a favor e 4 obstruções – 13 deputados e 13 senadores integram o grupo. Os 343 destaques apresentados à matéria deverão ser votados a partir do dia 7 de agosto, após o recesso parlamentar. Depois, a MP, cuja validade se encerra em 8 de outubro, ainda precisa passar pelos plenários da Câmara e do Senado. "Mantivemos a ideia do texto sem desfigurá-lo. Foi uma grande vitória para o Brasil, que preserva e produz", comemorou o presidente da Comissão, o deputado gaúcho Elvino Bohn Gass.
Insatisfeitas com o relatório do senador Luiz Henrique da Silveira, as bancadas ambientalistas e ruralistas tentaram, em vão, adiar o parecer. A ideia era ganhar tempo para incluir no texto temas de interesse. Segundo Bohn Gass, o governo não aceita flexibilizações. O deputado acredita que a MP será apreciada dentro do prazo. O relator manteve a exigência de recuperação de 20 metros de mata ciliar nas médias propriedades, mas limitou a recomposição a 25% da área total.

Fonte: Correio do Povo