.........

Código Florestal

.........

Ao lembrar o Dia Nacional da Amazônia, Sarney Filho (PV-MA) avaliou que as discussões sobre a medida provisória que complementa o Código Florestal

podem comprometer vários biomas nacionais. Ele alegou que as mudanças propostas na MP, aprovada em comissão mista do Congresso, podem levar ao fim da Mata Atlântica, Cerrado e Pantanal. O deputado alertou ainda que a proposta pode comprometer a diversidade ambiental da Amazônia.

Na visão de Marcos Rogério (PDT-RO), a Amazônia é a maior reserva ambiental do mundo, mas também é responsável por parte da produção de alimentos do mundo. O deputado apontou que não é possível abrir mão do potencial produtivo da região. Para ele, as mudanças no Código Florestal representam a vontade da população, já que foram definidas pelos parlamentares. Desta forma, alegou que o Brasil deve exercer sua soberania sobre a Amazônia, inclusive para o processo de produção de alimentos.

Fonte: JORNAL DA CÂMARA – DF | NOTÍCIAS