Campo e Lavoura – Fiscais agropecuários param amanhã devido à mudança na superintendência da Agricultura

Exoneração do cargo ocupado por técnico saiu no Diário Oficial da União

A troca no comando da superintendência do Ministério da Agricultura no Rio Grande do Sul, anunciada nesta quinta-feira no Diário Oficial da União, pegou de surpresa técnicos do órgão, que prometem para esta sexta-feira uma paralisação em todo o Estado. O fiscal federal agropecuário Roberto Schroeder havia sido nomeado para a função em agosto do ano passado, depois de assumir como interventor interino.

O fiscal federal Roberto Schroeder (E) estava na função desde agosto de 2015 e será substituído por Luciano Maronezi (D)
Foto: Arquivo Pessoal / Divulgação/Reprodução
Sua saída da função veio acompanhada pela indicação de um novo nome para o cargo. Formado no curso de Técnico Agropecuário, em Administração e em Gestão e Planejamento no Desenvolvimento Rural, Luciano Maronezi, 36 anos, é uma indicação política do PTB.

A reivindicação para que um funcionário de carreira ocupasse o cargo era antiga e foi atendida no ano passado após a exoneração do então superintendente, Francisco Signor, afastado em razão de investigação da Polícia Federal que apurava indícios de irregularidades no órgão.

— O trabalho do Roberto vinha sendo elogiado por todos. Os fiscais estão revoltados. A orientação é para que todos parem — afirma Consuelo Paixão Côrtes, delegada sindical no Rio Grande do Sul da Associação Nacional dos Fiscais Federais Agropecuários (Anffa).

Por: Gisele Loeblein

Fonte : Zero Hora