.........

CAMPO ABERTO – LUGAR DE FEIRA

.........

A Assembleia Legislativa do Estado ganhou ontem um componente diferente. Em um projeto-piloto, foi realizada no local uma feira de produtos orgânicos. Consumidores puderam adquirir itens de 13 bancas, de verduras a flores. A ideia é dar continuidade à ação, explica o presidente do parlamento, Edegar Pretto (PT):

– Propus a feira uma vez por semana. A decisão foi fazer esse teste para depois avaliar. Há uma demanda por parte dos consumidores, que querem saber o que estão levando para casa.

A iniciativa faz parte da programação do Seminário Políticas Públicas para Agroecologia na América Latina e Caribe, que começou ontem e segue até amanhã. Especialistas de 11 países debatem o tema da alimentação saudável.

– Queremos o diálogo entre produtores e consumidores, para ver em que pé estamos e que caminhos temos – diz Pretto.

Uma das estrelas do primeiro dia foi a chef de cozinha e apresentadora Bela Gil.

– É legal, é bom, é gostoso, é barato comer bem. E as políticas públicas são fundamentais para apoiar a agroecologia – disse Bela.

Participaram da feira produtores ligados ao Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra, Cooperativa Central dos Assentamentos do Rio Grande do Sul, Movimento dos Pequenos Agricultores, Copernatural, Associação de Produtores da Rede Agroecológica Metropolitana, Rede Ecovida e Econativa.

PELO QUINTO MÊS CONSECUTIVO, O AGRONEGÓCIO DO RS TEVE SALDO NEGATIVO DE EMPREGOS, SEGUNDO A FUNDAÇÃO DE ECONOMIA E ESTATÍSTICA (FEE). EM AGOSTO, FORAM PERDIDAS 2.521 VAGAS. NA CONTRAMÃO, A INDÚSTRIA DE CARNES TEVE A MAIOR ABERTURA DE POSTOS DE TRABALHO, IMPULSIONADA PELA RETOMADA DO FRIGORÍFICO DA MARFRIG EM ALEGRETE.

gisele.loeblein@zerohora.com.br

GISELE LOEBLEIN

Fonte : Zero Hora