.........

Cadê os planos de longo prazo?

.........

Anunciado o Plano Agrícola e Pecuário, para a chamada agricultura empresarial, hoje é a vez do anúncio do Plano Safra para a agricultura familiar. Novamente, o governo fará seu show de marketing, agora para angariar a simpatia dos pequenos produtores (com os médios e grandes, a estratégia foi um sucesso). Outra vez os sindicatos dirão que o volume de recursos poderia ser maior, que o governo deu mais atenção ao agronegócio, blá-blá- blá… Dificilmente as novidades do atual plano surpreenderão alguém. A principal promessa do governo desde o Plano Safra do ano passado ainda não foi cumprida. Onde estão os planos quinquenais para a agricultura, empresarial ou familiar? O governo continua editando, com pompa e circunstância, planos anuais, quando se sabe que o campo precisa planejar suas atividades em ciclos mais longos, de pelo menos cinco anos. Como jornalista, me admira que planos de safra ainda rendam manchetes e não apenas notas de rodapé.

A carne suína brasileira está autorizada a ingressar na Argentina, segundo nota divulgada ontem pelo Ministério da Agricultura

Fonte: Zero Hora | OLHAR DO CAMPO | Irineu Guarnier Filho