.........

Brasil com terras mais valorizadas

.........

Com aceleração nos últimos 12 meses, os preços médios das terras para o agronegócio no país subiram 50% em três anos. A tendência é que as cotações continuem em níveis elevados. O aquecimento se deve à disparada das cotações de grãos, como a soja, e a queda nos juros. Entre os meses de março de 2011 e abril deste ano, a valorização média da terra no Brasil foi de 16,5%, segundo pesquisa da Economics FNP, consultoria especializada em agronegócio. A alta de preços representa mais que o triplo da inflação acumulada no mesmo período, de 5,1%, conforme o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA).
Em abril deste ano, o preço médio de um hectare estava R$ 6,7 mil. A pesquisa mostra que a região mais valorizada foi a de terras para a soja, em Sinop, Mato Grosso, onde o preço subiu 73,3% até abril, de R$ 9 mil para R$ 15,6 mil o hectare. Já as terras mais valiosas do país estão em Santa Catarina, na região de Itajaí, onde um hectare para a produção de uva sai por R$ 43 mil. Lá, a valorização em 12 meses até abril foi de apenas 2,5%.

Fonte: Correio do Povo