.........

Biosev fecha empréstimo com bancos

.........

A Biosev confirmou ontem que a subsidiária LDC Bioenergia International firmou, no dia 13 de julho, contrato de empréstimo com um grupo de bancos no valor de até US$ 210 milhões. O Valor antecipou que a empresa de açúcar e álcool, controlada pela francesa Louis Dreyfus, estava costurando um financiamento com bancos privados após desistir de fazer uma oferta pública de ações. A Biosev foi procurada na segunda-feira para comentar o assunto, mas disse que estava em período de silêncio e não confirmou a informação.

O acordo com os bancos privados foi fechado uma semana antes de a empresa informar ao mercado que suspenderia a abertura de capital, o que confirma o que fontes disseram ao Valor. Como o "road show" não foi bem-sucedido, a companhia tentou várias alternativas, como firmar parcerias estratégicas com empresas como a Petrobras e fundos soberanos como o asiático Temasek, e foi atrás de financiamento para garantir seus projetos de expansão.

Conforme a companhia, do total do empréstimo, US$ 126 milhões são amortizáveis em sete parcelas, com vencimento final em 31 de janeiro de 2015, e US$ 84 milhões são referentes a uma parcela rotativa, com vencimento em 31 de janeiro de 2015. O prazo de repagamento de cada desembolso da parcela rotativa é de, no máximo, um ano. As instituições envolvidas são Crédit Agricole (Londres), Natixis (os coordenadores), ABN Amro, ING, Standard Chartered Bank e Israel Discount Bank of New York.

Em comunicado, o diretor financeiro da Biosev, Serge Stepanov, disse que "a parcela amortizável de referido contrato de empréstimo não aumentará o endividamento da Biosev, na medida em que será utilizada para substituir dívidas de curto prazo com taxas médias de juros superiores, melhorando o custo médio do nosso endividamento. A parcela rotativa, por sua vez, traz flexibilidade na gestão de nosso capital de giro."

© 2000 – 2012. Todos os direitos reservados ao Valor Econômico S.A. . Verifique nossos Termos de Uso em http://www.valor.com.br/termos-de-uso. Este material não pode ser publicado, reescrito, redistribuído ou transmitido por broadcast sem autorização do Valor Econômico.
Leia mais em:

http://www.valor.com.br/empresas/2763732/biosev-fecha-emprestimo-com-bancos#ixzz21djFaqnb

Fonte: Valor | Por Mônica Scaramuzzo | De São Paulo