.........

Aurora assume Bondio Alimentos e cresce no mercado de frango

.........

Uma das principais produtoras de frango e suíno do país, a catarinense Coopercentral Aurora Alimentos deu mais um passo em seu plano de expansão. Depois de encerrar a ampliação da capacidade de produção de suínos, a Aurora anunciou ontem o arrendamento da unidade de abate de frango da Bondio Alimentos, num negócio que deve incrementar R$ 600 milhões ao faturamento da cooperativa.

Com cerca de 400 integrados e abate diário de 110 mil aves, a unidade localizada em Guatambu, no oeste de Santa Catarina, deve elevar a produção de frango da Aurora em 18,6%, afirmou ao Valor o vice-presidente da cooperativa, Neivor Canton.

Com capacidade de abate de 700 mil aves por dia, a cooperativa processa atualmente 590 mil aves em suas seis unidades, de acordo com o executivo. "É importante crescer em frango, já que em suínos estamos com o plano de expansão praticamente concluído", justificou Canton.

O acordo entre a Bondio e a Aurora acontece em momento bastante delicado – e sintomático – para o setor, que lida com os a disparada dos custos dos grãos utilizados na ração dos animais e o excesso de oferta de carne de frango.

Segundo Canton, a explosão dos preços do milho e do farelo de soja está inviabilizando a operação de muitos frigoríficos de porte médio. "O mercado está oferecendo muitas empresas desse porte, por conta dos altos custos de produção. Elas têm dificuldades de competir com quem tem escala", disse ele.

Com duração indeterminada, o arrendamento contém uma opção de compra, explica o executivo. A Aurora assume a operação da unidade de Guatambu em 1º de outubro. "Vamos manter a produção atual da unidade pelo menos por uma temporada", afirmou Canton. Depois disso, a cooperativa deve avaliar as condições de mercado para decidir sobre possíveis ampliações.

Além de incrementar o faturamento da Aurora, que deve atingir R$ 5 bilhões no próximo ano, a unidade da Bondio também deve ampliar a fatia das exportações da cooperativa. Atualmente, a Aurora destina cerca de 85% de sua produção para o mercado doméstico. Já as operações da planta de Guatambu estão concentradas na exportação para Ásia, Oriente Médio e União Europeia. A Bondio exporta cerca de 70% de sua produção, segundo Canton.

© 2000 – 2012. Todos os direitos reservados ao Valor Econômico S.A. . Verifique nossos Termos de Uso em http://www.valor.com.br/termos-de-uso. Este material não pode ser publicado, reescrito, redistribuído ou transmitido por broadcast sem autorização do Valor Econômico.
Leia mais em:

http://www.valor.com.br/empresas/2823974/aurora-assume-bondio-alimentos-e-cresce-no-mercado-de-frango#ixzz26AFUT04F

Fonte: Valor | Por Luiz Henrique Mendes | De São Paulo