.........

Alternativa para o inverno

.........

Há muito tempo, o Rio Grande do Sul tenta emplacar a canola que já foi chamada de colza. Agora, com sua utilização crescente pelas usinas de biodiesel (o grão possui cerca de 40% de óleo), a oleaginosa se valorizou ainda mais como alternativa para o inverno. Com o trigo enfrentando problemas de mercado há várias safras, a canola ganha espaço na preferência dos agricultores. Tem preço e mercado garantidos. O único problema que ameaça a safra deste ano é o clima: seca no início do plantio, geadas em junho e, daqui para a frente, o risco de excesso de chuva no período de maturação, por conta de um El Niño que se torna uma perspectiva cada dia mais real. A combinação de uma boa colheita de canola com preços semelhantes aos da soja é tudo que os agricultores pedem a Deus para compensar parte dos prejuízos que tiveram com a frustrada safra do último verão.

Fonte: Zero Hora | OLHAR DO CAMPO | Irineu Guarnier Filho