.........

AGRICULTURA – PROTESTO – Produtores fazem tratoraço contra imposto sobre exportações no Paraguai

.........

 

Fonte:Emerson Matias | Divulgação

Governo do país quer taxar em 15% as exportações de soja, milho e trigo

Os produtores rurais do Paraguai realizaram um tratoraço nesta quinta-feira, 22, contra um projeto do governo para taxar as exportações de soja, milho e trigo em 15%. De acordo Safras & Mercado, essa medida pode entrar em votação no Senado do país até a sexta-feira, 23, e se aprovado o projeto segue para a sanção presidencial.

Luiz Fernando Gutierrez, que é analista da consultoria, explica que se o projeto for aprovado, o Brasil poderá pegar uma fatia do mercado paraguaio. "Com essa taxação, o produto de lá ficaria mais caro e o produtor brasileiro poderia ser beneficiado com uma demanda maior pela nossa soja, por exemplo. Esse seria um fator de alta no curto prazo para a oleaginosa", explicou.

Já o analista da Brandalizze Consulting, Vlamir Brandalizze, diz que uma taxação da exportação dos produtos do Paraguai não afetaria os preços no Brasil no curto prazo. Segundo ele a produção paraguaia tem baixa representatividade no mundo. "O país atualmente produz apenas 10 milhões de toneladas de soja, diante de uma produção mundial de 340 milhões de toneladas, algo muito pequeno. Para se ter uma ideia, o Brasil teve um incremento de 17 milhões de toneladas da safra passada para cá, ou seja, em um ano colhemos quase duas safras a mais que o Paraguai", afirmou.

Para ele os maiores prejudicados seriam os proprios produtores de lá. "Essa decisão poderá limitar avanços na agricultura do país e diminuir a área plantada".

Durante a edição do programa Mercado e Companhia, alguns produtores paraguaios enviaram imagens do movimento, que acontece desde a quarta-feira, 21.

  • Francielle Bertolacini | São Paulo (SP)
  • Fonte :Canal Rural