.........

AGRICULTURA – Abril termina com 10% da soja plantada nos Estados Unidos

.........

Indicador aferido até o dia 30 de abril está à frente dos 7% registrados no ano passado e da média de cinco anos

plantio-graos-minas-gerais-soja-milho (Foto: Ernesto de Souza/Ed. Globo)

Safra norte-americana é a maior do mundo, Brasil é o segundo no ranking de produção.(Foto: Ernesto de Souza/Ed. Globo)

<br>O plantio da safra de soja 2017/2018 nos Estados Unidos continua acelerado. Relatório divulgado pelo Departamento de Agricultura do país (Usda, na sigla em inglês), no final da tarde desta segunda-feira (1°) indica que os trabalhos foram concluídos em 10% do terreno a ser dedicado à cultura nesta temporada. O porcentual está à frente da média histórica aferida nesta época nos últimos cinco anos, que é de 7%, mesmo índice alcançado em 2016.

O levantamento refere-se à última semana encerrada no domingo (30). Em sete dias, a evolução na semeadura da oleaginosa em campos norte-americanos foi de 4 pontos porcentuais. Iowa, maior estado produtor de grãos dos Estados Unidos, que até semana passada não havia colocado as plantadeiras de soja para funcionar, concluiu o plantio do produto em 2% da área, abaixo dos 6% registrados na mesma época do ano passado.

Os produtores de Illinois, por sua vez, segundo maior produtor norte-americano, estão adiantados com os trabalhos de campo. A semeadura da soja no Estado alcançou 13% da área até domingo, contra 4% na semana passada e à frente dos 6% registrados nos últimos cinco anos.

Milho

No caso do milho, o plantio segue dentro da média história (34%), mas lento em relação a esta época do ano passado. Segundo o Usda, até domingo, os produtores do cereal haviam cultivado o grão em 34% da área, contra 43% em 2016.

O desenvolvimento das lavouras plantadas segue atrasado em relação ao ano passado, mas dentro da média – 9% da área cultivada está em estágio de emergência, contra 12% no ano passado.

POR CASSIANO RIBEIRO

Fonte : Globo Rural